Viagem

Praias de Florianópolis. Barra do Lagoa

Pin
Send
Share
Send



Bem, chegamos ao local.

A península, cuja entrada é a capital, é dividida nas praias do norte, leste, oeste e sul. Dadas as distâncias e a escassez de transporte público, a melhor maneira de aproveitar a península é alugar um carro e, mesmo assim, várias das praias selvagens do sul permanecerão difíceis de acessar. O problema é que os preços são mais caros do que na Europa e queríamos ter um acampamento base e descansar alguns dias após um mês de agitação em todo o Brasil sem ter passado mais de 3 noites em um só lugar, por isso decidimos ficar em Barra do Lagoa.

A área perto da praia está repleta de complexos de apartamentos para aluguel (máximo de 3 alturas, nada do tipo Costa Blanca) para todos os gostos e bolsos, além de um pequeno supermercado, restaurantes e lojas de frutas nos quais Colocamos as botas em cada café da manhã e podíamos comprar 1 quilo de fruta por 1 Real (cerca de 0,30 euros). Deliciosas mangas, melancias, abacaxis e uvas decoravam nossa mesa todas as manhãs.

A praia - areia branca - é estreita e longa e possui várias escolas de surf Devido às boas condições para a prática deste esporte. O preço de uma aula era de cerca de 25 reais, mas nos tornamos amigos de alguns noruegueses que nos emprestaram a mesa e nos iniciaram sobre o assunto. Eu nunca pensei que fosse me divertir tanto! Sinceramente, recomendo para quem nunca experimentou. No entanto, as praias de surfe por excelência na área são Praia Joaquina e Praia Mole, ambos localizados ao sul de Barra do Lagoa e acessíveis por ônibus.

Você pode desfrutar do local sem multidões, exceto nos finais de semana, quando famílias locais inteiras vêm tomar um banho e começar o bronzeado do verão. Ao pôr do sol, algumas áreas da praia se tornam campos de futebol improvisados onde eu joguei alguns bons jogos surpreendendo a equipe, demonstrando que eu poderia jogar bem apesar de ser europeu. Si que queee: muita marca d'água, mas pouca eficiência esses cariocas!

As praias do norte da península são mais desenvolvidos em termos de complexos hoteleiros e vida noturna, destacando Canasvieiras -reducto Argentina-, Daniela, Jureré e o exclusivo Jureré International onde verdadeiras mansões de celebridades de todo o mundo, clubes de golfe e restaurantes e bares exclusivos estão agrupados.

Al sul Você encontrará praias de beleza única, com poucos lugares para dormir e natureza no seu melhor. Alguns deles não podem ser acessados ​​por veículo e você terá que dar um chute pequeno como o de Naufrágio ou Pantano do Sul. Se você estiver procurando alguma caminhada ou vida noturna, esqueça de descer para o sul.

Outros destaques são Campeche e Moçambique. Ambos estão no lado leste e, desde o início, sai um barco que o leva a contemplar a ilha de Campeche. Moçambique é uma praia longa e estreita, extensão da Barra e mal pisada pelos turistas. Possui muita vegetação, areias brancas, excelentes vistas e é ideal para quem está de passeio ao pôr do sol para quem gosta de correr.

Passamos 9 dias tranquilos na Barra sem fazer grandes coisas, exceto uma visita à Praia Joaquina, Mole e corridas por Moçambique. Os dias eram simples, mas felizes: café da manhã com frutas, praia, bufê, soneca, mais praia, esporte e saí para tomar caipirinhas com alguns amigos italianos que Mattia encontrou por acaso neste mundinho. Às vezes, a simplicidade lhe dá felicidade.

Florianópolis é sinônimo de Paraíso.

Pin
Send
Share
Send